teste-para-lenita1

cicaf

*

Você está aqui: HomeNotíciasFormação e convivência do grupo de facilitadores/as do projeto de educação
Publicado em Notícias
Postado por  Coordenadoria Irmã Álcida Angola 27 Fevereiro 2017
Formação e convivência do grupo de facilitadores/as do projeto de educação

“Há uma esperança para o seu futuro olhe lá,

Vamos em frente, pois a nossa missão é com o povo caminhar”

Há mesmo uma grande esperança para o nosso futuro aqui em Angola. Veja só este maravilhoso grupo de facilitadoras e facilitadores que conosco caminha, seja na poeira seja na lama, seja no sol escaldante seja na chuva, de botas ou de chinelos, de segunda a sexta feira lá está cada uma e cada um a assistir o seu grupo de estudantes nos mais diversos locais e variadas condições que se lhe apresentam.

Enquanto as aulas da alfabetização não iniciam, as facilitadoras e os facilitadores de todos os núcleos do Centro Santa Madalena fez uma semana não apenas de formação, mas também de convivência. Segunda-feira, dia 20 de fevereiro de 2017, numa das salas de aula da Escola Santa Madalena teve início a semana de formação e convivência, a qual se estendeu até sexta-feira, dia 24.

No primeiro dia estiveram presentes os atuais responsáveis pela coordenação do Projeto 4Ms: Irmã Silvia Cristina de Oliveira Lopes, Ladislau Mariano João Simão - bem como seus coadjutores/as: Conceição Manuel Xavier; Francisca Sales Cabingano; Paulina Kambundo Samone; Pedro Sebastião Mateus António. Dos nùcleos, com exceção de Mãe de Angola e São Mateus, os demais estavam presentes, somando um total de 21 pessoas. As irmãs Carmelita Zanella e Maria de Jesus Moraes eram as responsáveis pelo conteúdo do dia. Um aprofundamento sobre o nome do Projeto, saído do casamento de duas línguas nacionais, Kikongo e kimbundu, MUNTUÊ=Cabeça; MUXIMA=Coração; MALU=Pés (pernas); MOKO=Mãos, cujo significado das palavras chaves simbolizam a educação que queremos. Uma educação que leve não só a ler e escrever, mas a formar uma consciência crítica, ajude a pensar, desenvolva a inteligência, eleve a autoestima… Irmã Carmelita fez uma breve exposição acerca da escolha do nome e em seguida foram para os grupos. Irmã Maria de Jesus pediu que cada grupo desenhasse umas das partes que compõem o nome do Projeto: Cabeça; Coração; Pés Mãos e escrevessem no desenho uma ou duas frases que a seu ver podem significar a educação que queremos. A partilha foi muito rica e na sequência receberam uma folha contendo alguns acréscimos para maior aprofundamento, como também as seguintes recomendações:

Para sermos Educadores/as do projeto, dentre outros, é indispensável:

- Conhecer e procurar por em prática os princípios do projeto (isso que acabamos de ver);

- Participar ativamente de todo o processo formativo;

- Responsabilidade e compromisso com a causa (o projeto é nosso);

- Respeito e cumprimento das decisões tomadas coletivamente;

Nos dias subsequêntes foram trabalhadas teoria e prática sobre: caligrafia e sua história, grafismo e coordenação motora, história da pedagogia, reforçado o que cada facilitador/a entendeu sobre as partes do corpo que é o Projeto.

Na sexta-feira, 24 e último dia, encerrou com a primeira reunião do grupo para elaborar a agenda da caminhada: preenchimento de estatística, planificação todas as primeiras sextas-feiras, formação permanente todas as terceiras sextas-feiras, formação trimestral nas pausas pedagógicas: 10 a 12 de maio e 16 a 18 de agosto. Certificou-se da existência do básico necessário para o trabalho nos núcleos, como: giz, quadro de giz, manuais de leitura conforme o módulo, o número de inscrições em cada núcleo, contando até então com um número aproximado de 250 estudantes e todos os facilitadores e facilitadoras foram unânimes em afirmar que até o dia 06 de março quando as aulas iniciam e também após, chegarão ainda muitas pessoas, porque tem gente que só chega quando as aulas já iniciaram. Neste último dia contou-se com a participação de 23 pessoas, e foi distribuído um Kit para facilitadoras e facilitadores, contendo o material básico para as planificações. Além do kit, foi servido um mata bicho (lanche) como o fecho da semana.

O Projeto, nesta sua caminhada, já adquiriu um quê de respeito e fama. Muita gente tira os filhos de outras escolas para ir estudar ali ou deixam-nos na escola e também ali porque dizem que nesta alfabetização se aprende a ler e escrever. Então estamos a investir mais e mais no conhecimento das facilitadoras e facilitadores para que o trabalho seja de qualidade.

“Sonho que se sonha só pode ser pura ilusão, sonho que se sonha junto é sinal de solução. Então vamos sonhar companheiras/os sonhar ligeiro, sonhar em mutirão”.

Informações adicionais

  • Fonte da Notícia: Pela coordenação, Irmã Maria de Jesus Moraes

Comentários  

#5 Luciana Luiza Schmitt 23-03-2017 21:56
Abençoado projeto. Parabéns a todos os envolvidos!
Sou mais uma a sonhar com esse grupo.
#4 Eunice Berri 11-03-2017 21:02
PARABÉNS manas queridas, por essa dedicação e tanto amor ao povo!
#3 Marinete Silva Souza 08-03-2017 22:53
Irmãs, Jesus, Carmelita e demais facilitadoras, que maravilhas vocês estão realizando! desejamos a vocês muita luz e força nessa caminhada e que continuem firmes e corajosas no serviço do Reino.
#2 Eliza Schafaschek 02-03-2017 17:29
Deus as abençoe e recompense nesta linda missão, pelo desafio que enfrentam em conhecer e trabalhar uma nova cultura. Agradeço pela lição de ânimo e coragem que nos dão neste tempo em que nos empenhamos em acolher e internalizar as diferentes culturas. Minha oração e meu grande abraço a vocês.
Ir. Eliza
#1 Ana Lúcia Corbani 28-02-2017 06:31
Queridas Irmãs, estou emocionada ao ler, numa terça de carnaval, as 6h28 da manhã este relato tão cheio de paixão, tão cheio de dedicação, tão cheio de utopia! Muita luz da Divina Fonte pra alumiar os caminhos de nossa missão em Angola, e a vida deste povo que tem sede e fome de VIDA! Abraços a todas!

Adicionar comentário


 

Direção:
Isabel do Rocio Kuss

Ana Pereira Macedo

 Ivonete Gardini

Arte: Lenita Gripa

Congregação das Irmãs Catequistas Franciscanas
Rua Des. Nelson Nunes Guimarães, 346
 Bairro Atiradores - Joinville / SC – Brasil
Fone: (47) 3422 4865